AVANÇAR

Avançar ganha um novo significado na espiritualidade do IRSCM

A visão de fé e de zelo, específica do carisma das RSCM, manifesta-se numa leitura de esperança e amor ativo face às pessoas, aos acontecimentos e realidades. Um amor ativo que impele a avançar em fidelidade aos sinais dos tempos e a ser resposta às necessidades de vida e dignidade, sobretudo quando as dificuldades se agudizam.

Desde o início do Instituto são muitos os momentos e acontecimentos da história que retratam o dinamismo de Avançar. As realidades mais adversas não paralisam, são enfrentadas e assumidas pelas RSCM a partir da Fé e da participação no mistério pascal de Cristo; são entendidas como oportunidade para avançar com novas escolhas a favor da Vida e missão de tornar Deus conhecido e amado.

Neste tempo jubilar fazemos memória, celebramos e agradecemos as gerações de Irmãs e colaboradores que, ao longo dos 150 anos, fizeram avançar a missão geradora de Vida e damos a conhecer algumas expressões.

Na década de 70-80, a Província Portuguesa avançou com um conjunto alargado de novas formas de resposta a novas necessidades de promoção de Vida. Entre as muitas possibilidades a explorar, evocamos o Lar de Estudantes Trabalhadoras, situado em Lisboa, fundado como um projeto inovador e arrojado.

Ir. Lucinda Martins, rscm | Lar do Parque – Lisboa (atualmente encontra-se no CEJG, em Aveiro)

No fim da década de 90 e início do novo milénio, novas pobrezas surgiram em Portugal e o mesmo aconteceu em outros países do mundo, que avançava, a passos largos, num movimento de globalização. O Capítulo Geral do IRSCM em 2001 focou a sua reflexão e discernimento a partir da análise desta realidade mundial, suas tendências, desafios à missão do Instituto e novas dimensões a potenciar do nosso Carisma. Avançou com novos compromissos, com a recomendação de, em todos os contextos, “unir pessoas e esforços ao serviço da vida, contrariando os efeitos negativos da globalização – a exclusão social, a pobreza crescente, a destruição ambiental” – e “trabalhar com movimentos e grupos que promovam a globalização da solidariedade e esperança” cf. Doc. Capítulo Geral 2001

Todas as obras da Província deram passos e avançaram com iniciativas de implementação das recomendações capitulares, a partir das necessidades emergentes do contexto local. Estas iniciativas e projetos novos surgiram associados a uma intencionalidade: promover a inclusão, criar pontes e sinergias entre mundos distintos, com particular envolvimento dos nossos jovens, como dimensão educativa.

Evocamos, neste contexto, dois Projetos assumidos pela Comunidade Educativa do Colégio de Nossa Senhora do Rosário:

– O Projeto PAS – Projeto de Acompanhamento Social – visando o acompanhamento, inclusão e integração da população sem abrigo da Cidade do Porto;

Ir. Maria Helena Ayres, rscm – Coordenadora PAS | Colégio do Rosário
Miguel Pereira, voluntário PAS | Colégio do Rosário

– O Projeto RAIZ – Projeto de desenvolvimento comunitário a favor da população do Bairro de Ramalde-Campinas, Porto. Assumido pelo Colégio, é validado e comparticipado pelo Programa Escolhas e tem a Obra Social SCM por entidade promotora.

Rui Amado – Ligação ao Programa Escolhas | Projeto Raiz
Isabel Pinho – Articulação com o Colégio do Rosário – Coordenação dos voluntários e crianças | Projeto Raiz
Ir. Palmira Moreira, rscm – Acompanhamento das Famílias | Projeto Raiz

Neste movimento de Instituto e para assinalar a celebração jubilar dos 200 anos de nascimento da Mère Sainte Jean, a Província Portuguesa avançou, em 2008, com a presença no Bairro das Galinheiras-Charneca, na periferia de Lisboa. Esta presença foi, desde logo, concebida em articulação com o Colégio Sagrado Coração de Maria e projetos a desenvolver por esta comunidade educativa.

Evocamos, neste contexto, a colaboração socio pastoral a favor da promoção e desenvolvimento da população do Bairro das Galinheiras e os projetos diversificados, desenvolvidos pela comunidade educativa do CSCM-Lisboa nesta realidade.

Ir. Emília Salgueiro, rscm
Armindo Rodrigues – Projetos desenvolvidos pelo Colégio do Sagrado Coração de Maria, em Lisboa, no Bairro das Galinheiras

Nestes e noutros projetos, celebramos e agradecemos o amor ativo, o dinamismo que faz avançar na procura de novas respostas a favor da vida, para que todos tenham Vida!